Translate

sábado, 20 de junho de 2009

Da ressaca do fim do diploma para ser jornalista

Têm ocorrido muitas manifestações e outras estão agendadas por todo o país contra a decisão do STF que torna desnecessária a obrigação de ter diploma de jornalismo para ser jornalista. Já disse o que penso sobre o assunto, mas agora é a ressaca da decisão que importa. Assim são essas manifestações.

São legítimas em seu mérito, pois mesmo discordando da perspectiva atesto que têm argumentos relevantes para reivindicar a exigência do diploma. Contudo, essas manifestações deveriam ter ocorrido antes da votação, não depois. STF não se retrata.

Nas discussões sobre pesquisas com células-tronco foi o avesso. Pessoas com deficiência, pesquisadores, religiosos contrários às pesquisas, fizeram plantão por dias em frente ao Supremo. Não que tenham influenciado na decisão, mas era o momento para debater, protestar, tentar pressionar. Pressionar após a decisão é ilógico.

Os protestos, mais uma vez digo, legítimos em seu mérito, servirão apenas como desabafo coletivo que, após liberarem energia, sossegarão.

Como bem divulgaram as associações profissionais de jornalistas em uníssono, agora é o momento para estudar as consequências da decisão, divulgar a importância do diploma, debater que perfil devem ter as faculdades, em vez de resmungar.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...