Translate

quarta-feira, 28 de maio de 2008

Save the Children denuncia ONU

O Estado de São Paulo publicou hoje a denúncia da ONG britânica Save the Children de que os capacetes-azuis da ONU têm abusado sexualmente de crianças em países onde há conflitos, como Sudão, Costa do Marfim e Haiti.

Para mostrar a própria seriedade sobre o tema, a ONG demitiu três dos seus funcionários por relações sexuais com menores de 17 anos de idade e recomendou publicamente que outras entidades tomem a mesma providência.

Save the Children
informa ainda que sua denúncia envolve não apenas agentes de forças de paz (sic) da ONU, mas todas as tropas de paz (sic) e agentes humanitários (sic).

Esses são escândalos da ONU, ordenados pelo Estado de São Paulo:

2003 - Soldados nepaleses da força de paz da ONU na República Democrática do Congo (ex-Zaire) são acusados de abuso sexual. Seis são presos

2004 - Dois capacetes-azuis em missão no Burundi são repatriados após acusações de abusos

2005 - Organizações humanitárias acusam tropas da ONU de estuprar moradoras de vilarejos no Sudão

2006 - Funcionários e soldados da ONU são acusados de abusos sexuais na Libéria e no Haiti, onde a missão é liderada pelo Brasil

2007 - ONU investiga suspeitos de abuso na Costa do Marfim


Para conhecer Save The Children, clique aqui.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...