Translate

quarta-feira, 3 de outubro de 2007

Mulheres protestam contra milho transgênico

No dia 20 de setembro, durante reunião da Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio), mulheres camponesas e urbanas protestaram contra a liberação do milho transgênico. Com camisas e cartazes contendo a frase “Meu filho não é cobaia”, as manifestantes denunciaram a Comissão por não se preocupar com a segurança alimentar do país, ao permitir que variedades de milho transgênico sejam consumidas por humanos sem dados e estudos conclusivos que comprovem que esse alimento faz mal à saúde. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o próprio Ministério da Saúde também questionam a decisão da CTNBio. As manifestantes alertaram que os riscos do consumo do milho transgênico podem afetar diretamente gestantes, lactantes e bebês. De acordo com elas, há estudos que comprovam que o consumo de milho transgênico causou problemas em filhotes de ratos e frangos que consumiram esse milho, como taxas de mortalidade, mudança na composição do sangue, alterações nos rins e testículos. Além disso, as altas doses do herbicida utilizado no milho transgênico podem ser absorvidas no intestino, passar pelo leite das mães que amamentam e causar reações tóxicas no bebê e nas próprias mães. (fonte: Via Campesina)

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...