Translate

quarta-feira, 1 de agosto de 2007

Agenda - "O Direito de Saber", reunião de Agosto

O Projeto "O Direito de Saber" convida para a reunião mensal a ser realizada no dia 03/08/2007 (sexta-feira) , às 9h, no Auditório da ADEFAL.

Na ocasião, trataremos do Estatuto da Pessoa com Deficiência. Após esplanação sobre os prós e contras da votação do estatuto, da forma como se encontra, e posto o debate em pauta, estaremos elaborando o documento representativo da opinião de Alagoas.

Como dito em listas de discussão, das discussões entabuladas, formaremos a opinião alagoana acerca do Estatuto. Até agora, Alagoas não se posicionou se é a favor, contra, ou a favor mas com melhora do texto posto. A isto, nos propomos. Da reunião, farão parte os representantes das entidades alagoanas integrantes da Federação de Entidades de Pessoas com Deficiência - FEDEFAL.

Documento elaborado, tomaremos as assinaturas dos presentes, bem como o estaremos encaminhando para:

1. A reunião mensal do NCDOT/AL - Núcleo de Combate às Desigualdades nas Oportunidades de Trabalho em Alagoas, a ser realizada na sexta-feira seguinte, dia 10/08/2007, na DRT;

2. Conselho Municipal de Direitos da Pessoa com Deficiência, a ser realizada na segunda quinzena de agosto;

3. ONEDEF - Organização Nacional das Entidades de Pessoas com Deficiência;

4. Assembléia Legislativa;

5. Câmara Municipal de Vereadores;

6. Imprensa local;

7. Reunião do CONADE, onde a representante alagoana - Rosinha, irá entregar ao seu Presidente, Alexandre Baroni, o posicionamento alagoano acerca do estatuto da pessoa com deficiência.


Haverá um café da manhã festivo antes do início das atividades. Quem quiser aderir, é só levar uma guloseima. Esperamos vocês.

Um abraço.

Rita Mendonça.

1 comentários:

Mário disse...

Coloco à disposição do blogueiro o link do vídeo da passeata de protesto contra o caos aéreo e em solidariedade aos mortos no acidente da TAM. Ao contrário do que dizem os lulistas, o movimento foi espontâneo, apartidário. Longe de fazer exploração política do ocorrido - e do que vinha há muito ocorrendo nessa área - o que se vê é uma passeata marcada pela sobriedade, serenidade, sentimento de consternação. Uma reação a um governo que manda a todos relaxarem e gozarem. Não há palavras de ordem, não há bandeiras de cores berrantes, não há trio elétrico com sindicalista raivoso falando mal de Deus e o mundo, não há oba-oba revolucionário (a música de Geraldo Vandré na edição do vídeo é que destoa). Não há promessas de um "novo mundo possível". Há apenas o cidadão indignado, que perdeu amigos e familiares, e que ainda por cima é classificado pelos "Marcos Aurélios" como alienado e como inocente útil manipulado pela "mídia golpista". Há cidadãos exigindo respeito de autoridades que a todo momento insultam sua inteligência com metáforas futebolístas, com chistes infames em momentos inapropriados e com desculpas esfarrapadas do tipo "não vi", "não sei". Seguem os links:

http://www.youtube.com/watch?v=zKWE4o5Htdk

http://www.youtube.com/watch?v=KhxcAsNbPeI

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...