Translate

segunda-feira, 4 de junho de 2007

Recursos Humanos de Médicos Sem Fronteiras em crise



Estudo realizado por Médicos Sem Fronteiras nos projetos desenvolvidos na África do Sul, Lesoto, Malauí e Moçambique indica que 70% dos infectados (mais de um milhão de pessoas) não têm acesso à terapia por falta de médicos e enfermeiros.

Nesses países, MSF oferece tratamento anti-retroviral para cerca de 30 mil pessoas. Em todo o mundo, a organização trata com anti-retrovirais mais de 80 mil pacientes em mais de 30 países.
Clique aqui e veja fotos de pessoas atendidas por MSF.

Clique aqui para ler o artigo "Crise de recursos humanos limita acesso ao tratamento de HIV/Aids no sul da África".

Fonte: MSF

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...